Régua de cobrança: Conheça a ferramenta que vai diminuir o seu o índice de inadimplências e aprenda a fazer a sua em 5 passos

Régua de cobrança: conheça a ferramenta que vai diminuir o seu o índice de inadimplências
5 minutos para ler
Powered by Rock Convert

Régua de cobrança: conheça a ferramenta que vai diminuir o seu o índice de inadimplências

Reduzir o índice de inadimplentes pode ser um desafio para qualquer gestor de empresa ou profissional autônomo. Com a régua de cobrança essa parte da prestação do serviço se torna menos burocrática. Continue lendo ou assista ao vídeo abaixo, que explica como fazer a sua em apenas 5 passos, e entenda como isso pode acontecer.

O que exatamente é uma régua de cobranças?

É muito natural que algumas pessoas se perguntem isso uma vez que a ferramenta, embora muito útil, é pouco conhecida e utilizada pela maioria das empresas. De forma resumida, a régua de cobranças é uma ferramenta usada por gestores financeiros quando precisam detectar inadimplências e definir quais quais medidas tomar em cada momento importante do processo de cobrança.

Quando bem utilizada, a ferramenta se torna essencial para reduzir o número de inadimplentes e manter um bom faturamento. É extremamente necessária para a organização das cobranças.

Isso acontece porque essa ferramenta pode, por exemplo, promover a comunicação com a base de clientes, possibilitando a programação de mensagens para diferentes períodos, e pode ser pensada para lembrar da mensalidade dias antes, na data e após o vencimento. Apenas com isso, já se reduz consideravelmente o número de pessoas não pagantes.

Outro ponto muito importante é que, apesar de parecer complicada à primeira vista, não se trata de nenhum monstro de sete cabeças. Continue lendo e entenda como funciona na prática.

régua de cobranças exemplo
Exemplo de uma Régua de Cobrança

Como a ferramenta funciona?

Tendo como base um planejamento pré-estabelecido, a ferramenta determina quais ações tomar, quando elas acontecerão, quais meios serão utilizados para a comunicação e quais serão os conteúdos das mensagens. Deve-se construir uma espécie de linha do tempo do pagamento.

É preciso, no entanto, ser usada com sabedoria. Montar uma cadência com inúmeras mensagens consecutivas pode não ser pertinente para as cobranças e muito menos é interessante para o seu negócio. Isso porque os excessos vão levar à insatisfação dos clientes e um potencial cancelamento do contrato por parte deles.

Saiba como fazer a sua em 5 passos assistindo ao vídeo abaixo.

Quais os tipos de régua de cobrança?

Uma vez que exista mais de uma possibilidade de pagamento, é necessário ter uma régua para cada tipo de pagamento que você oferece. Os mais comuns são: boleto bancário, cartão de crédito ou depósito / transferência. Em todos os casos, a comunicação deve ser feita via mensagem ou e-mail. Saiba mais sobre como fazer a sua de acordo com cada forma de pagamento.

Boleto Bancário

A primeira parte de uma boa estratégia de pagamento por boleto é a escolha da data para o vencimento. O aconselhado é estipular uma data entre os dias 5 e 15 de cada mês, pois são dias em que geralmente as pessoas recebem o seu salário. Em alguns casos é interessante também deixar que o cliente escolha a data que mais funcione para ele.

É indicado que a régua comece a atuar alguns dias antes da data de pagamento em si, isso acontece para lembrar o cliente do compromisso e se por acaso o pagamento não for efetuado, as comunicações começam a ser feitas para alertar sobre o atraso ou até um possível cancelamento do serviço prestado.

Cartão de crédito

A régua de cobrança do cartão de crédito funciona como um lembrete, já que as cobranças são automáticas e não dependem da capacidade de memória do cliente. No entanto, imprevistos acontecem  e as cobranças podem esbarrar em um cartão sem limite, por exemplo.

Aqui, as mensagens nunca são feitas antes do vencimento e só acontecem caso ocorra de fato um problema no processo. O intuito é alertar o cliente para que ele resolva da melhor maneira possível, seja cadastrando um novo cartão de crédito ou mudando a forma de pagamento desejada.

Depósito / transferência

Nesse caso, a régua pode ser bem semelhante à do boleto, com a diferença de que será preciso frisar bem em cada cobrança o valor atualizado com juros. A primeira para lembrar alguns dias antes, no dia do vencimento e por último quando já se passaram alguns dias úteis. Esta última já com a notificação do cancelamento do serviço.

A Solução em cobranças

Para te ajudar nesse processo, pode contar com a Tiva! Fazendo tudo isso de forma automatizada, você ainda tem vantagens como: site de vendas personalizado, assistente de pagamento, envio de cobranças de forma automática e ainda pode oferecer ao seu cliente diversas formas de pagamento.

Se quiser saber mais sobre como podemos ajudar, entre em contato pelo suporte ou visite o nosso site.

Você também pode gostar

Um comentário em “Régua de cobrança: Conheça a ferramenta que vai diminuir o seu o índice de inadimplências e aprenda a fazer a sua em 5 passos

Deixe um comentário